Logo Prefeitura de Salvador

Prefeitura disponibilizará mais 3 mil doses de vacina V10 para cães

Ação acontece a partir das 9h desta quarta e segue até a sexta-feira, 23

Cerca de três mil cães devem ser vacinados gratuitamente pela Diretoria de Proteção Animal da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência, Bem-Estar e Proteção Animal (Secis), a partir de quarta-feira, 21, na Lagoa do Abaeté, em Itapuã.

O imunizante polivalente, conhecido também como vacina décupla, é responsável pela prevenção de, pelo menos, sete doenças graves que atingem os cachorros: cinomose, parvovirose, coronavirose, adenovirose, parainfluenza e hepatite infecciosa canina, além de quatro tipos de leptospirose.

A ação acontece a partir das 9h desta quarta e segue até a sexta-feira, 23, com fichas entregues por ordem de chegada. Serão mil fichas distribuídas diariamente. 

Como vacinar?

– Necessário a apresentação de documento pessoal com foto, cartão de vacina do animal e comprovante de residência

– Será possível vacinar até dois cães por CPF

– É preciso levar o animal, pois o cadastro e a vacinação ocorrem no mesmo dia

– A vacina múltipla V10 é aplicada apenas em cães

A ação acontece desde 2022, com mais de 5 mil animais vacinados até a última ação, no dia 6 de fevereiro. Foram visitados até o momento, os bairros da Barroquinha, Itaigara e do Subúrbio. 

Verão ao ar livre: confira opções de lazer em Salvador

Os dias ensolarados em Salvador devem possibilitar a baianos e turistas aproveitar com mais intensidade os espaços públicos e áreas verdes da cidade. E não faltam no verão opções para curtir com a família ou a galera experiências mais próximas da natureza.

O Parque da Cidade, no Itaigara, possui quase quatro mil metros de pista para praticar caminhada ou corrida, andar de bicicleta, patins, patinete e skate. O local também é indicado para fazer piqueniques ao ar livre e colocar as crianças para brincar no extenso gramado. Além disso, há diversas ações de cultura rotineiramente no parque.

Quem gosta de trilhas pode viver essa experiência no Jardim Botânico, localizado em São Marcos, onde há, entre muitos atrativos, uma trilha repleta de paus-brasil – um dos exemplares mais cobiçados pelos portugueses na época do Brasil Colonial.

O espaço é recheado de riquezas botânicas e possui presença marcante do oitis, que torna o cenário ainda mais encantador com sua folhagem densa. No parque, existe ainda um herbário – coleção científica de plantas secas – para estudo e pesquisa, e uma intervenção do artista plástico Bel Borba intitulada Portão de Exú.

Quem gosta de aproveitar a combinação de céu e mar azul pode unir as paixões e aproveitar os 85 mil m² do Parque dos Ventos. Situado na orla da Boca do Rio, o espaço oferece 14 opções de lazer e atividades esportivas, inclusive para atletas profissionais, e tem equipamentos e brinquedos pensados para todas as idades. Há um parque infantil com brinquedos adaptados para pessoas com deficiência, tabelas de basquete, quadra de vôlei, área para contemplação e piquenique, anfiteatro com capacidade para 100 a 150 pessoas, escorregadeiras naturais, quiosques, área para uso de patins e passeio para caminhada.

Para a titular da Secretaria Municipal de Sustentabilidade e Resiliência (Secis), Marcelle Moraes, as áreas verdes e de lazer são essenciais para o bem-estar da população. “Frequentar esses espaços públicos traz qualidade de vida para os visitantes, pois proporcionam contato direto com a natureza e suas estruturas. Além de aliviar o estresse da rotina, o indivíduo recebe benefícios psicológicos e físicos, reduz o sedentarismo com a prática de esportes e afasta a possibilidade até mesmo de desenvolver doenças como ansiedade e depressão”, afirmou.

Praças e áreas de convivência – Salvador também conta com mais de 800 praças e parques gerenciados pela Prefeitura. Estes locais são alternativas para convivência social, fortalecimento de vínculos da comunidade e lazer ao ar livre. Os espaços contam com atrativos para todos os públicos e incluem nos projetos paisagismo, parque infantil, academias de ginástica e saúde, mesas de jogos e às vezes até mesmo quiosques.

Distribuídas por toda a cidade, tornando-se um lazer acessível para as comunidades, algumas dessas praças estão localizadas em pontos estratégicos para atender a um público ainda maior. Na recém requalificada Avenida Centenário, por exemplo, há diversos equipamentos de lazer em toda a extensão do canteiro central para o cidadão aproveitar. São três parques infantis com equipamentos e um “dog park”, três quadras, uma ciclovia com mais de 2,2 km de extensão e uma pista de corrida ou caminhada de 3 km.

Além da infraestrutura atrativa, as praças e parques da capital baiana também estão recebendo wi-fi gratuito para os frequentadores. Com isso, além das áreas de lazer agradáveis e convidativas para experiências fora de casa no verão, os soteropolitanos terão também essa comodidade nos espaços.

Hospital Público Veterinário terá 76 leitos e 50 fichas de atendimento por dia; investimento é de R$ 12 milhões

Tão esperado por tutores de animais, o Hospital Público Veterinário de Salvador já tem agora a definição de quantidade de leitos e atendimentos por dia. As novidades chegam após a titular da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência e Proteção Animal (Secis), Marcelle Moraes, antecipar ao Bahia Notícias, que o espaço será entregue em fevereiro deste ano, após o carnaval. 

De acordo com informações obtidas pela reportagem do Bahia Notícias, em conjunto com a Secis, o equipamento terá 76 leitos para atender cães e gatos. 

Deste número, 40 leitos serão destinados para atendimentos de caninos e 36 para felinos. Cães pequenos terão 20 leitos disponíveis; cães médios terão 8 e cães grandes terão 2. Outra dúvida bastante questionada por tutores era a respeito de como funcionaria e a quantidade dos atendimentos no hospital. 

O espaço terá foco nos cuidados de animais domésticos, como cães e gatos. Serão distribuídas 50 fichas de atendimento clínico geral, incluindo triagem. O espaço terá foco nos cuidados de animais domésticos, como cães e gatos. Porém, de acordo com a titular da pasta, Marcelle Moraes, casos mais graves podem ser atendidos mesmo após o final das fichas. 

“O hospital tem uma limitação de atendimento diário. Serão distribuídas fichas diariamente, exceto para casos onde animais cheguem em situação de risco a óbito, como atropelo, espancamento, que infelizmente acontece, e obviamente a gente jamais vai negar atendimento médico veterinário, mas para atendimento eletivo serão distribuídas fichas”, disse. 

GESTÃO E CONTRATAÇÃO DE FUNCIONÁRIOS

Além do prazo de entrega, a secretária antecipou também que o processo de seleção para definir a empresa que vai fazer a gestão e operacionalização da unidade vai acontecer ainda no final deste mês. A chefe da Secis contou que já existe uma vencedora, mas que o processo está em fase de recurso. 

“Ainda está em processo de recurso, mas é uma organização social de medicina veterinária que faz a gestão do hospital de São Paulo, de Belo Horizonte e de Brasília. É uma empresa que já tem credibilidade na área”, observou Moraes. 

A organização social será responsável também por realizar a contratação de profissionais para o hospital. 

“A organização social fará a contratação e a Prefeitura e o Ministério Público fiscalizarão o processo de admissão. Não é uma contratação de demanda. Na verdade tem que haver seleção e essa seleção terá que ser pública e haverá fiscalização tanto da Prefeitura quanto do Ministério Público. […] Quando terminar a fase de recurso, essa organização social irá fazer a contratação mediante a validação da Prefeitura. A gente deve encerrar isso até o final do mês”, afirmou. 

ESTRUTURA

O novo equipamento de Salvador terá ainda dois pavimentos (térreo e primeiro andar) numa área de aproximadamente 1,4 mil m².  O local terá supervisão da Diretoria de Proteção Animal (Dipa), integrada à Secis.

O atendimento será 100% gratuito e vai ofertar ainda atendimento ambulatorial, internamento, raio X e vacina, além de exames de imagem, centro cirúrgico, entre outros. Os tutores poderão recorrer a diferentes especialidades que serão ofertadas aos animais, a exemplos de ortopedia, oftalmologia e trato reprodutivo.  

“A gente vai atender todas as especialidades por ordem de chegada. Teremos internamento para animais, vai ter ala de infectocontagioso. Será um hospital que vai servir de referência para todo o Brasil. Vão ser emergências que a gente vai atender, mas se tiver algum caso que precise de internamento, como animais atropelados, o animal será submetido a internação. Vai ter tanto internação de pernoite como day hospital que é um um novo formato, onde o pet fica internado durante o dia e recebe alta a noite. Então teremos essas duas modalidades no no 

O hospital terá atendimentos eletivos de segunda a sexta até as 17h e aos sábado até as 12h.  Mas a emergência funcionará durante 24 horas. 

“Internamente ele [o hospital] vai funcionar normalmente com a equipe 24 horas, inclusive sábado e domingo. Mas atendimento eletivo será de segunda a sábado até meio-dia. Contaremos ainda com várias especialidades sobretudo cirúrgicas, oftálmicas, cirurgias ortopédicas, exames de imagens raio-x, hemograma e laboratório”, revelou. 

O investimento para a manutenção da unidade, que será instalado no bairro de Canabrava será de R$ 12 milhões, conforme apontou Marcelle. 

“A manutenção de equipamento é de mais de R$ 12 milhões que a prefeitura tem dispensado anualmente, justamente para que gente possa oferecer o melhor serviço possível aos animais”, completou.

Vacinação gratuita da V4 para gatos começa na segunda (8) em Salvador

Ação vai acontecer até quarta-feira (10), no Jardim Botânico

A Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência, Bem-estar e Proteção Animal (Secis) inicia a aplicação gratuita da vacina V4 em gatos da capital baiana na próxima segunda-feira (8). A vacinação vai acontecer até quarta-feira (10), no Jardim Botânico de Salvador, no bairro de São Marcos, sempre a partir das 9h, por ordem de chegada.

Cerca de 300 doses serão distribuídas diariamente no local, totalizando 900 doses aplicadas. A vacina V4 protege os gatos contra quatro doenças virais, sendo elas a panleucopenia, rinotraqueíte, calicivirose e a clamidiose.

Cada tutor poderá vacinar até dois animais. No ato da vacinação é necessário apresentar um documento de identificação oficial com foto do tutor, comprovante de residência de Salvador e cartão de vacinação do animal.

O imunizante deve ser aplicado em gatos filhotes com mais de 60 dias de vida e adultos e tem atuação importantíssima no sistema imunológico do animal. Ficam restritos a tomarem a vacina animais doentes, gestantes, lactantes e fêmeas no cio, bem como gatos em uso de antibiótico ou de anti-inflamatório, além de animais que passaram por algum procedimento cirúrgico em menos de 20 dias.

“Essa é a primeira vez que a V4 está sendo distribuída de forma gratuita no Brasil. É uma vacina importantíssima que protege de quatro doenças virais, impedindo a transmissão das doenças e que o tutor venha a ter custos caso o animal venha a ser infectado”, destaca a titular da Secis, Marcelle Moraes.

Secis inaugura viveiro inédito de restinga na região da praia do Flamengo

A Prefeitura de Salvador através da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência e Proteção Animal (Secis), entregou o primeiro viveiro de restinga, ação inédita na região da Praia do Flamengo, na manhã desta quarta-feira (26). O espaço ecológico terá a capacidade de produzir anualmente 36 mil mudas das mais diversas espécies. O objetivo é que essas mudas sejam transplantadas para todos os trechos de orla da capital baiana, recuperando a vegetação de Mata Atlântica, que foi prejudicada pela presença humana.

O projeto, localizado entre a Rua Clóvis Bevilacqua e a Alameda Cabo Frio, foi elaborado em uma parceria da Secis junto à Unidunas, organização da sociedade civil que atua na preservação do meio ambiente litorâneo. A previsão é que as primeiras mudas já sejam transplantadas para a orla em quatro meses.

De acordo com a titular da pasta, Marcelle Moraes, a iniciativa também será um espaço de educação ambiental, com o funcionamento de salas para palestras, visando à conscientização no sentido de preservar o ecossistema de restinga. Além disso, o Viveiro Municipal se tornará uma das ferramentas disponíveis para capacitação e ampliação científica sobre o tema.

“O nosso trabalho é preservar e recuperar o nosso meio ambiente e, por causa disso, nasceu a ideia de construirmos este viveiro, que já nasce como um projeto-modelo que levará Salvador como potência verde no Brasil. Unindo o trabalho científico e a valorização educacional, conseguiremos dar um melhor olhar sobre esse ecossistema pouco conhecido e aumentar a proteção de nossa orla”, explica Marcelle.

O Viveiro Municipal de Restinga é administrado pela Secis, funciona de segunda à sexta, das 8h às 17h e, a princípio, contará com visitas feitas por agendamento prévio. Para mais informações, acompanhe a secretaria pelo site https://sustentabilidade.salvador.ba.gov.br/ e pelo Instagram @secissalvador.

Dentro do Dezembro Verde, capital recebe feira de adoção de animais nesta sexta (15).

Ação acontece das 16h às 20h, no Pet Park, localizado no 2º piso do Shopping da Bahia.

Como parte da campanha Dezembro Verde, que visa combater o abandono e os maus tratos contra animais, a Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência e Proteção Animal (Secis) de Salvador promove uma feira de adoção de cães, nesta sexta-feira (15).

A ação acontece das 16h às 20h, no Pet Park, localizado no 2º piso do Shopping da Bahia. No local, estarão disponíveis animais deixados na ONG Doce Lar, que agora terão mais uma oportunidade de encontrar novos tutores.

Além da feira, a Secis realizará campanha visual e educativa, com distribuição de faixas e adesivos alusivos ao enfrentamento de crimes contra animais.

Crime – Os animais estão protegidos pela Lei Federal 9.605/1998, que diz, no artigo 32, que “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos”. Quem descumprir a legislação e for condenado pode ser detido de três meses a um ano, além de pagar multa de uma a mil UFMs (de R$ R$212,74 a R$212,7 mil).

Secis realiza mutirão para aplicação da vacina V10 no subúrbio de Salvador.

Para garantir a proteção de cães contra diversas doenças, a Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência, Bem-estar e Proteção Animal (Secis) de Salvador realizará, na próxima segunda (18) e terça-feira (19), um mutirão com oferta gratuita da vacina V10. Será a segunda edição da ação este ano e, desta vez, a região do Subúrbio será contemplada no Parque São Bartolomeu (Acesso pela Avenida Suburbana).

A pasta vai distribuir, a partir das 9h, 1 mil fichas por dia, ou seja, serão aplicadas 2 mil doses do imunizante. Os interessados vão ser atendidos por ordem de chegada e podem levar até dois animais para serem contemplados. Para ter acesso à V10, é necessário que o tutor leve documento oficial com foto, comprovante de residência de Salvador e o cartão de vacinação do animal. Será realizado um cadastro e, em seguida, o imunizante será aplicado.

No caso do animal, caso nunca tenha tomado a vacina e seja filhote, é preciso obedecer ao intervalo mínimo de 21 dias entre as doses para a aquisição de anticorpos contra as doenças. A dose de reforço também não deve ultrapassar o período máximo de 30 dias para aplicação. Em casos extremos de doença a vacinação pode ser adiada.

A Secis alerta ainda que é contraindicado vacinar animais doentes ou com uso de antibióticos e anti-inflamatório; cadelas gestantes, lactantes ou no cio; cães que passaram por algum procedimento cirúrgico em menos de 20 dias e animais com menos 45 dias de vida.

Prevenção – A vacina V10 é considerada fundamental na prevenção de doenças como cinomose, parvovirose, coronavirose, adenovirose, parainfluenza, hepatite infecciosa canina, além de quatro tipos de leptospirose, totalizando dez tipos de antígeno. A medida municipal visa promover qualidade de vida e saúde aos animais de pessoas de baixa renda, protetores independentes e de ONG’s. A vacina, na rede privada, pode custar até R$270.

Produtos livres de agrotóxicos? veja onde achar neste sábado em SSA, das 9 às 17 horas.

Para incentivar a alimentação e uso de produtos livres de agrotóxicos, a Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Resiliência e Proteção Animal (Secis) vai realizar neste sábado (16), a 2ª Feira Agroecológica, no bairro do Imbuí, em Salvador. A Ação acontecerá das das 9h às 17h, próxima à Igreja Nossa Senhora da Aparecida, em frente ao canteiro central.

A iniciativa vai reunir mais de 25 expositores artesãos e agricultores familiares com produtos orgânicos e agroecológicos nas áreas de gastronomia, artesanato e hortifruti.

Conforme informado pela prefeitura, o objetivo da feira é mostrar a produção do município nesse segmento e incentivar a economia local, com fomento ao desenvolvimento sustentável e promoção de valores sociais e culturais com o fortalecimento desses empreendedores locais.

Vem ai, no dia 16, CIRCUITO DE FEIRAS AGROECOLÓGICAS.

O Circuito de Feiras Agroecológicas de Salvador consiste na realização de feiras agroecológicas em diversos pontos da cidade reunindo fornecedores de produtos de produção primária (vegetais, frutas, hortaliças), produtos beneficiados (compotas, molhos, lanches), fornecedores com produtos ou serviços com aderência ao assunto (brechó, ecobags, compostagem).

Por que o circuito?

As feiras agroecológicas na cidade são organizadas pela própria sociedade civil em universidades, restaurantes veganos e naturais, lojas de produtos Homehealth ou em bairros com maior poder aquisitivo. Queremos com esse circuito democratizar o acesso da população a esse tipo de produto e serviço fazendo feiras em bairros populares e em locais de circulação fácil das pessoas na cidade.

A 2ª edição do circuito de feira agroecológica Municipal será realizada na Praça do Imbui, no dia 16 de dezembro, das 09 às 17h.

Participaração agricultores e fornecedores de produtos beneficiados e aderentes; SECIS, Secretárias da PMS e outras.

Resultado do horta em casa de Novembro.

Skip to content